Atlético MG Esportes

Time alternativo tem boa atuação, e Atlético goleia Uberlândia pelo Mineiro

Escrito por Daniel Alves

Depois de estrear com uma atuação mediana na temporada 2022, o time alternativo do Atlético mostrou suas qualidades na noite desta quarta-feira (2/2). O Galo teve grande atuação contra o Uberlândia, no Parque do Sabiá, e alcançou mais uma goleada no Campeonato Mineiro. Os gols da vitória por 4 a 0 foram marcados por Eduardo Sasha, Guilherme Arana Fábio Gomes e Ademir.

O jogo terminou em 4 a 0, mas poderia ter sido um placar ainda mais elástico. O goleiro Rafael Roballo fez grandes defesas e parou o ataque atleticano, que finalizou mais de 20 vezes na partida, em diversas oportunidades. O camisa 1 do Uberlândia, inclusive, defendeu um pênalti cobrado pelo jovem Echaporã.
Com a vitória, o Atlético assumiu a liderança do Campeonato Mineiro, com sete pontos. Já o Uberlândia permanece com três pontos e ocupa a oitava posição.
Os dois times voltam a campo no próximo domingo. O Atlético entra em campo às 11h, contra o Patrocinense, no Mineirão. Já o Uberlândia visita a URT, às 16h, no Zama Maciel.

O jogo

‘El Turco’ cumpriu a promessa de escalar um Atlético alternativo contra o Uberlândia. Apenas dois titulares começaram o jogo no Parque do Sabiá: Guilherme Arana, já que Dodô, com dores no joelho esquerdo, foi vetado, e Zaracho, que começou jogando pela primeira vez na temporada.

Toni Mohamed montou um Atlético diferente também em campo. No meio, centralizados, Tchê Tchê e Zaracho. Pelas pontas, Dylan (na direita, diferentemente da vitória sobre o Tombense, quando atuou do outro lado) e Calebe (na esquerda). Na frente, Eduardo Sasha e Fábio Gomes, dois centroavantes se movimentando muito e alternando posições.
Uma das estratégias do novo Atlético é usar o lançamento longo para pegar a defesa desarrumada. Guga tentou duas vezes no começo do jogo. Na primeira, Dylan não dominou. Na segunda, Fábio Gomes recebeu entre os defensores e cruzou rasteiro para o meio da área. Sasha apareceu livre e, de primeira, tocou para as redes: 1 a 0.
O Atlético seguiu na pressão. Guilherme Arana obrigou boa defesa do goleiro Rafael Roballo. Mas, aos 11′, o camisa 1 do Uberlândia não teve chances. Fábio Gomes chutou, a bola desviou na defesa e sobrou para Dylan na área. Quando tentou dominar, o colombiano foi derrubado por Diego Silva. Pênalti marcado, apesar da reclamação dos jogadores do Uberlândia. Na cobrança, Arana chutou forte no canto esquerdo e ampliou: 2 a 0.
Apesar da boa vantagem no começo, o Galo não diminuiu o ritmo e seguiu buscando o gol. Arana, Zaracho e Sasha, duas vezes, quase ampliaram. Na reta final, o Uberlândia conseguiu se impor mais e teve duas chances, uma em chute perigoso de Lucas Coelho e outra em cobrança de falta de Kellyton, que parou em boa defesa de Rafael.
Os dois times voltaram com mudança para a etapa final. No Uberlândia, saiu o volante Luanderson para a entrada do atacante Márcio Júnior. Já no Galo, saiu Guilherme Arana, que já havia jogado a última partida completa, para a entrada do atacante Ademir. Desta forma, Calebe passou a atuar como lateral-esquerdo.
E o Atlético começou na pressão o segundo tempo. Dylan e Ademir pararam em grandes defesas de Rafael Roballo. Na sequência, após cobrança de escanteio, Vitor Mendes finalizou duas vezes e parou em excelentes intervenções do goleiro do Uberlândia. Mas, no último rebote, a bola sobrou para Fábio Gomes finalizar e balançar as redes: 3 a 0.
Mais uma vez com um gol rápido, o Atlético seguiu em cima do Uberlândia. E, apesar de três gols sofridos, Rafael Roballo vinha se destacando. Ele salvou em duas oportunidades, uma cara a cara com Ademir (a arbitragem não marcou escanteio) e outra em voleio de Zaracho.
O Uberlândia até balançou as redes, mas o lance foi invalidado. David Lazari chutou de longe e balançou as redes, mas o jogador estava em impedimento no início da jogada, que acabou anulada.
O Atlético ainda teve a chance de ampliar o placar. Ademir avançou em velocidade, entrou na área e sofreu falta por trás. Pênalti marcado. O velocista tentou pegar a bola para cobrar, mas o jovem Echaporã foi mais rápido e assumiu a responsabilidade, mesmo com críticas de jogadores mais experientes. Na cobrança, o atacante chutou para grande defesa de Rafael Roballo.
Se Ademir não teve chance no pênalti, uma nova oportunidade apareceu aos 41′. Guga fez cruzamento perfeito para o camisa 19, que infiltrou em velocidade e tocou de cabeça sem chances para Rafael Roballo: 4 a 0. Nos minutos finais, o Galo controlou a bola para assegurar mais uma goleada no Campeonato Mineiro.

UBERLÂNDIA 0 X 4 ATLÉTICO

UberlândiaRafael Roballo; Kellyton, Diego Silva, Bruno Maia e Mateus Mendes; João Paulo, Nailson, Luanderson (Márcio Júnior, no intervalo), David Lazari e Felipe Pará (Maicon Souza, 30/2°T); Lucas Coelho. Técnico: Chiquinho Lima
AtléticoRafael; Guga, Vitor Mendes, Igor Rabello e Guilherme Arana (Ademir, no intervalo); Tchê Tchê, Zaracho (Neto, 18/2°T), Calebe (Micael, 23/2°T) e Dylan; Fábio Gomes e Sasha (Echaporã, 18/2°T)Técnico: Antonio ‘El Turco’ Mohamed
Gols: Sasha, 2/1°T; Guilherme Arana, 11/1°T; Fábio Gomes, 3/2°T; Ademir, 41/2°TCartões amarelos: David Lazari, 16/1°T; Diego Silva, 39/1°T; João Paulo, 23/2°T; Tchê Tchê, 23/2°T; Mateus Mendes, 34/2°T; 
Motivo: 3ª rodada do Campeonato MineiroEstádio: Parque do Sabiá, em UberlândiaData e horário: quarta-feira, 2 de fevereiro, às 19h30
Árbitro: Igor Junio Benevenuto De OliveiraAssistentes: Guilherme Dias Camilo e Fernanda Nandrea Gomes Antunes

Fonte: Super Esportes

Sobre o autor

Daniel Alves

Deixe um comentário